PREFEITURA MEIO 1

PF investiga licitações feitas durante a pandemia de covid-19

Agentes da Polícia Federal realizam operação para apurar possíveis irregularidades em licitações durante a pandemia da covid-19, em 2020.

Por Luiz Ricardo em 27/02/2024 às 16:52:21
Foto: Reprodução internet

Foto: Reprodução internet

Agentes da Polícia Federal realizam operação para apurar possíveis irregularidades em licitações durante a pandemia da covid-19, em 2020. A suspeita é de superfaturamento de mais de R$ 1,5 milhão.

Na ação, foram cumpridos 11 mandados de busca e apreensão na cidade de Alto Alegre, em Roraima; na capital do estado, Boa Vista e em Manaus, no Amazonas.

De acordo com as apurações da PF, os investigados seriam responsáveis por irregularidades em processo licitatório realizados entre a Prefeitura de Alto Alegre, em Roraima, e a empresa contratada para prestar serviços de desinfecção de superfícies e ambientes sujeitos à contaminação da covid-19.

As investigações indicam sobrepreço e superfaturamento nos itens contratados.

Os recursos para pagamento da empresa foram disponibilizados pelo Fundo Nacional de Saúde, do Governo Federal.

Foi determinado o bloqueio de valores e sequestro de bens dos investigados, a proibição de ocupar cargo público, frequentar a sede da Prefeitura de Alto Alegre e outros órgãos públicos vinculados à gestão municipal. Além disso, foi determinada a suspensão do exercício das atividades das empresas envolvidas pelo prazo de 180 dias.

Os suspeitos poderão responder pelos crimes de fraude ao caráter competitivo da licitação, fraude à licitação, lavagem de capitais e organização criminosa.

Segurança São Luís PF investiga possível desvio de recursos da saúde em Maricá 27/02/2024 - 16:27 Sâmia Mendes / Liliane Farias Madson Euler - repórter da Rádio Nacional Polícia Federal covid-19 terça-feira, 27 Fevereiro, 2024 - 16:27 1:43
Comunicar erro
ODONTOTOP

ComentĂĄrios

PATOESTE 3