PREFEITURA MEIO 1

Delegacias do Rio vão atuar no combate a discriminação no carnaval

Delegacias de Polícias do Estado do Rio de Janeiro vão contar com uma Central de Apoio aos policiais civis durante o carnaval para prevenir abusos e abordagens inadequadas a grupos alvos de discriminação, como LGBTI+, pessoas negras, religiosos de matrizes africanas, mulheres e idosos.

Por Luiz Ricardo em 07/02/2024 às 22:12:28
Foto: Reprodução internet

Foto: Reprodução internet

Delegacias de Polícias do Estado do Rio de Janeiro vão contar com uma Central de Apoio aos policiais civis durante o carnaval para prevenir abusos e abordagens inadequadas a grupos alvos de discriminação, como LGBTI+, pessoas negras, religiosos de matrizes africanas, mulheres e idosos.

O presidente do Grupo Arco-Íris e diretor da Aliança Nacional LGBTI+, Cláudio Nascimento, participou da força-tarefa de formação da equipe de agentes que vão atuar na Central, inaugurada nesta quarta-feira (7).

Nascimento afirmou que a iniciativa era uma reinvindicação do movimento LBGTI+ para reduzir situações de discriminação e preconceito que acontecem, segundo ele, muitas vezes por falta de conhecimento.

Cláudio Nascimento adiantou também que após o carnaval está previsto um processo de construção de um programa de formação continuada de agentes da Polícia Civil do Estado.

A Central de Apoio vai funcionar 24 horas, entre os dias 8 e 18 de fevereiro, nas dependências da Delegacia de Atendimento à Mulher no centro do Rio de Janeiro.

Segurança Rio de Janeiro 07/02/2024 - 21:34 Daniella Longuinho / Pedro Lacerda Fabiana Sampaio - Repórter da Rádio Nacional Polícia abordagem LGBT Rio de Janeiro quarta-feira, 7 Fevereiro, 2024 - 21:34 2:09
Comunicar erro
PATOESTE
PATOESTE 3

Coment√°rios